Ilha do Bananal terá Mutirão do Agrocrédito

Já existe um crédito pré-aprovado no valor de R$ 500 mil para atender as comunidades indígenas da Ilha do Bananal nos projetos de bovinocultura

Nesta sexta-feira (27), o diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ruraltins, Marco Aurélio Vaz, esteve reunido com o representante indígena da etnia Karajá, João Werreria. No encontro foi discutido a realização do Mutirão do Agrocrédito em Aldeias da Ilha do Bananal para o desenvolvimento de projetos de crédito rural voltados a pecuária de corte.

O Tocantins já vem apoiando as famílias indígenas da Ilha na implantação do próprio sistema de produção de pecuária, por meio do acesso ao crédito. Na reunião o diretor apresentou a João Werreria, a relação dos documentos que devem ser providenciados para que o processo tenha inicio no próximo ano.

Crédito de R$ 500 mil

Para atender as comunidades indígenas da Ilha do Bananal nos projetos de bovinocultura, já existe um crédito pré-aprovado no valor de R$ 500 mil, na primeira etapa, pelo Pronaf, via Banco da Amazônia.

O Mutirão do Agrocrédito voltado as comunidades indígenas é uma iniciativa do Governo do Tocantins, desenvolvida pelo Ruraltins com o apoio da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro) e da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc).

Fonte: Ruraltins