(63) 98447-6190 tocantinsrural.brasil@gmail.com
09/11/2020

Capacitação em piscicultura para técnicos extensionistas teve encerramento na última sexta-feira (06)

Por Lúcia Brito/ com edições do Tocantins Rural

O curso ocorreu no Centro de Treinamento e Capacitação em Tecnologia Agropecuária e Extensão Rural

Na última semana, no período de 3 a 6 de novembro, 40 técnicos extensionistas participaram de uma extensa capacitação teórica e prática envolvendo as principais características da piscicultura, os sistemas produtivos e o manejo adequado dos peixes.

Conforme o presidente do Ruraltins e Secretário da Agricultura, Pecuária e Aquicultura, Thiago Dourado, a formação do corpo técnico aliada a difusão de novas tecnologias são ferramentas fundamentais para o fortalecimento do meio rural.

 

Certificado

Após a conclusão dos trabalhos foram entregues certificados a todos os participantes. O curso de capacitação em piscicultura faz parte das ações do Convênio Oportunidade, nº 839847/2016, fruto de parceria entre o Governo do Tocantins e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que tem execução até junho de 2022.  

A parceria tem por finalidade fortalecer os serviços de assistência técnica e extensão rural, no sentido de garantir aos agricultores familiares melhorias na gestão das suas propriedades, favorecendo maior geração de renda e melhoria na qualidade de vida das famílias.

Cenário da piscicultura no Tocantins

A piscicultura é uma das cadeias produtivas que vem ganhando força no Tocantins, impulsionadas pelas áreas propícias, abundância hídrica e, principalmente, pelas políticas públicas implementadas pelo Governo do Tocantins integradas às demandas da Câmara Setorial da Piscicultura.

Com a meta de estar, nos próximos dez anos, entre os cinco maiores produtores de peixes do Brasil, com uma estimativa de produzir 50 mil toneladas de pescado por ano, o governo segue o Plano de Desenvolvimento da Piscicultura no Tocantins (PDP). Plano este que visa não só aumentar a produtividade e qualidade, como também promover o crescimento de forma organizada e sustentável da cadeia, favorecendo a geração de renda, empregos e a melhoria da qualidade de vida de quem vive da atividade.

Atualmente a cadeia produtiva está presente em 117 municípios do estado, com uma produção de 14.328 toneladas de pescado por ano, tendo como maior produtor de peixes o município de Almas, com 8,3 mil toneladas/ano, seguido por Dianópolis, 1,1 mil toneladas, e Porto Nacional com 1,08 mil toneladas/ano. O setor movimenta R$ 92,8 milhões ao ano.

Fonte: Seagro

Tempo

Eventos

NOSSOS PARCEIROS

Atendimento

Segunda a Sexta das 8h às 18h

(63) 8501-8498

Siga-nos

Entre em contato com a redação do Tocantins Rural. Email: tocantinsrural.brasil@gmial.com Telefone: (63) 98501- 8498 Whatsapp: (63) 98447-6190
Copyright © 2019 - Tocantins Rural - Todos os direitos reservados.