(63) 98501-8498 redacao@tocantinsrural.com.br
22/07/2019

Com unidade no Tocantins, líder em agronegócio anuncia união com petroleira e criação de empresa de açúcar e bioenergia

Por Sarah Tamioso e Kezia Noá/Tocantins Rural

A negociante de commodities Bunge, após queda nas ações, anunciou em nota nesta segunda-feira, 22, que fechou acordo com a petroleira britânica BP para a criação de uma companhia de bioenergia no Brasil que irá produzir etanol e açúcar, além de eletricidade renovável com biomassa de cana-de-açúcar.

A joint venture, BP Bunge Bioenergia, operará com um total de 11 usinas nas regiões sudeste, norte e centro-oeste do Brasil e terá uma capacidade de moagem de 32 milhões de toneladas por ano, com produção de 1,5 bilhão de litros de etanol e 1,1 milhão de toneladas de açúcar, em estimativa com base em resultados de 2018.

“Esta parceria com a BP representa um importante marco de otimização de portfólio para a Bunge, o que nos permite reduzir nossa exposição atual ao negócio de açúcar e bioenergia, fortalecer nosso balanço patrimonial e focar em nossas principais oportunidades”, disse o diretor-presidente da Bunge, Gregory Heckman, em comunicado, acrescentando que “temos na BP um parceiro forte e comprometido, assim como flexibilidade no médio e longo prazos para monetização futura, com potencial de saída total via oferta pública inicial (IPO) ou outra rota estratégica”.

A joint venture também produzirá energia a partir de bagaço de cana para sustentar suas unidades, vendendo excedentes para a rede elétrica brasileira.

Segundo a Bunge, a empresa receberá 775 milhões de dólares como parte do acordo, recursos que serão utilizados para “reduzir o endividamento existente segundo as linhas de crédito da Companhia”. O acordo deve ser fechado no quarto trimestre de 2019 e a sede será em São Paulo.

No Tocantins

Iniciada em 2009 e inaugurada em 2011, a usina da Bunge, localizada em Pedro Afonso, foi a primeira unidade greenfield e a oitava usina produtora de açúcar e bioenergia da empresa no Brasil. Com investimentos totais da ordem de R$600 milhões e capacidade inicial de moagem de 2,5 milhões de toneladas de cana-de-açúcar por ano, a usina realiza plantio e colheita totalmente mecanizados. Segundo informações da Burge, durante a primeira fase a empresa gerou cerca de 1.400 empregos diretos e cerca de 3.000 indiretos.

No Brasil

Com cerca de 17.000 colaboradores, a Bunge é líder em originação de grãos e processamento de soja e trigo, na fabricação de produtos alimentícios e em serviços portuários. Desde 2006, atua também no segmento de açúcar e bioenergia.

A empresa é ainda uma das maiores exportadoras do país e a primeira em agronegócio. Possui mais de 100 instalações no Brasil, entre fábricas, usinas, moinhos, portos, centros de distribuição, silos e instalações portuárias e possui marcas como Soya, Delícia, Primor, Salada, Cardeal, Salsaretti, Suprema e Gradina.

Com informações de Reuters Brasil | Foto: Paulo Whitaker

Tempo

Eventos

NOSSOS PARCEIROS

Atendimento

Segunda a Sexta das 8h às 18h

(63) 8501-8498

Siga-nos

Entre em contato com a redação do Tocantins Rural. Email: redacao@tocantinsrural.com.br Telefone: (63) 98501- 8498 Whatsapp: (63) 98501- 8498
Copyright © 2019 - Tocantins Rural - Todos os direitos reservados.