(63) 98501-8498 redacao@tocantinsrural.com.br
25/06/2020

Comitê do Fogo para combater queimadas ilegais em 2020 é lançado

da redação

Sobrecarga no sistema de saúde devido ao aumento de doenças respiratórias foi preocupação destacada na ocasião

Foram lançadas nesta quarta-feira, 24, as ações para o ano de 2020 do Comitê Estadual de Combate a Incêndios e Controle de Queimadas (Comitê do Fogo). O evento foi realizado na Associação Tocantinense de Aviação (ATA), em Porto Nacional.

Este ano, devido à pandemia do novo Coronavírus, existe uma preocupação maior quanto a uma possível sobrecarga no sistema de saúde, já que as queimadas acabam provocando também um aumento nos casos de doenças respiratórias. Foi o que destacou o vice-governador Wanderlei Barbosa, que representou o Governo do Estado do Tocantins na solenidade de lançamento.

“Agora, temos dois inimigos para enfrentar ao mesmo tempo: as queimadas ilegais e o novo Coronavírus. As doenças respiratórias podem levar o cidadão a precisar de atendimento médico e, neste momento de pandemia, devemos evitar ao máximo que o sistema de saúde fique ainda mais sobrecarregado”, afirmou vice-governador.

Para o superintendente da Defesa Civil, tenente-coronel Erisvaldo Alves, a pandemia também alterou a forma como são feitos os trabalhos de prevenção e conscientização da população.

“A pandemia mudou muita coisa. Uma das principais ações do Comitê ocorre por meio do Dia D, quando as equipes faziam visitas de campo, repassando orientações de forma presencial para a população sobre os problemas ligados às queimadas. Este ano, não foi possível fazer esse contato, e para isso buscamos alternativas, como os meios digitais”, frisou Erisvaldo Alves.

De janeiro até o último dia 21 de junho, o Tocantins já registrou 1.708 focos de calor e, com o fim do período chuvoso, começa o período em que esses números tendem a aumentar.

Para o enfrentamento dessa situação em 2020, foram planejadas 14 ações contemplando a área de prevenção e campanhas educativas, fiscalização e combate às queimadas ilegais e incêndios florestais. 

Responsabilização

O procurador de Justiça, José Maria da Silva Júnior, que coordena o Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Meio Ambiente, apresentou durante o lançamento do Comitê uma ação desenvolvida pelo órgão, que está realizando o mapeamento das propriedades rurais que mais queimaram nos últimos três anos no Estado.

“Estamos providenciando a relação das propriedades rurais que mais promoveram queimadas, com a identificação dos respectivos proprietários. O levantamento indica que, na maioria das vezes, foram nos mesmos locais que vêm fazendo uso do fogo ou mesmo não controlando as chamas. O resultado desse levantamento será enviado às promotorias de cada uma dessas cidades, para que se tomem as providências necessárias, seja por meio de notificações ou responsabilização civil e penal dos envolvidos”, explicou José Maria da Silva Júnior.

Tecnologias

O monitoramento de queimadas no Estado também será por meio de aeronaves e drones cedidos pelo Naturatins, que irão sobrevoar as unidades de conservação a procura de possíveis focos de incêndio.

Outra aeronave que atua com o Comitê é o helicóptero do Ciopaer, muito usado em combate aos incêndios que ocorrem no entorno da Capital.

O Comitê do Fogo

O Comitê foi criado em 1998 para promover políticas de prevenção, fiscalização e enfrentamento aos incêndios florestais no Estado. Desde então desempenha o papel de planejar as campanhas educativas e as operações de monitoramento para as regiões mais sensíveis do Estado.

A força-tarefa é composta por 31 órgãos e instituições, entre elas o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), o Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Tocantins (CBM/TO), a Defesa Civil e o Ministério Público do Estado do Tocantins (MPE/TO).

Fotos: Governo do Tocantins

Tempo

Eventos

NOSSOS PARCEIROS

Atendimento

Segunda a Sexta das 8h às 18h

(63) 8501-8498

Siga-nos

Entre em contato com a redação do Tocantins Rural. Email: redacao@tocantinsrural.com.br Telefone: (63) 98501- 8498 Whatsapp: (63) 98501- 8498
Copyright © 2019 - Tocantins Rural - Todos os direitos reservados.