(63) 98501-8498 redacao@tocantinsrural.com.br
08/06/2020

Manejo de solo pode salvar a lavoura de soja; 13 dicas essenciais!

da redação

Faltando ainda alguns meses até que o plantio da soja seja novamente autorizado a acontecer em diversos estados brasileiros, a Embrapa preparou, a pedido do Projeto Soja Brasil, um manual completo com dicas para garantir uma boa safra. A ideia é trazer dicas para que o sojicultor se prepare e consiga ter uma temporada ainda melhor que as anteriores.

O solo é o fator de produção mais importante na definição da produtividade dos cultivos; depois da água, porque sem ela não há produção. Como neste momento já não há tempo hábil para fazer o manejo, vale as dicas para o planejamento da próxima temporada, que começa agora com a rotação de culturas. Confira as 13 dicas abaixo:

1 – Solo bem manejado não apresenta compactação, erosão e é rico em matéria orgânica, razão pela qual armazena muita água, podendo suportar deficiências hídricas não muito prolongadas.

2 – Implantar o Sistema de Plantio Direto (SPD) é uma maneira inteligente de melhorar as qualidades do solo.

3 – Solos com problemas de acidez devem ser corrigidos antes da implantação do SPD para não precisar revolvê-los posteriormente.

4 – Após anos de cultivo no SPD a acidez pode voltar, sendo recomendável distribuir o calcário na superfície, para não revolver o solo.

5 – Respeitar os princípios básicos do SPD: não revolvimento do solo, rotação de culturas e formação de abundante palhada.

6 – Antes de realizar o plantio de uma nova safra, refazer os terraços danificados ou erroneamente eliminados, para conter a erosão.

7 – Evitar operar as máquinas no sentido da declividade do terreno para evitar a erosão do solo.

8 – A rotação com culturas de espécies diferentes é desejável para melhorar as propriedades químicas, físicas e biológicas do solo, além de reduzir os problemas fitossanitários.

9 – Cultivos sucessivos de uma mesma cultura intensificam os problemas com insetos-praga, doenças e plantas daninhas.

10 – A integração da lavoura com a pecuária (ILP) recupera as pastagens degradadas e melhora a qualidade do solo.

11 – A ILP é a maneira mais eficiente de fazer um pecuarista fertilizar o seu pasto, através da adubação da lavoura. Pasto que virou lavoura e voltou a ser pasto, pode engordar até 5 X mais bois.

12 – Solos muito arenosos não são apropriados para o cultivo da soja por causa da sua baixa capacidade de reter água. Mas, com muita palhada, pode valer a pena.

13 – O ajuste dos equipamentos de plantio é necessário para garantir plantabilidade.

Vale ressaltar que esta é apenas uma parte do manual que aborda dicas desde o plantio até a colheita da cultura.

Para ter acesso clique aqui!

Fonte: Canal Rural | Foto: Áureo Lantmann

Tempo

Eventos

NOSSOS PARCEIROS

Atendimento

Segunda a Sexta das 8h às 18h

(63) 8501-8498

Siga-nos

Entre em contato com a redação do Tocantins Rural. Email: redacao@tocantinsrural.com.br Telefone: (63) 98501- 8498 Whatsapp: (63) 98501- 8498
Copyright © 2019 - Tocantins Rural - Todos os direitos reservados.