(63) 98447-6190 tocantinsrural.brasil@gmail.com
13/04/2020

Pescas em todas as modalidades continuam proibidas no Rio Caiapó

Por Tânia Caldas/Com edição de Tocantins Rural

Objetivo é garantir o repovoamento de peixes na região

 

Foi prorrogada a suspensão da pesca em todas as modalidades por mais um ano, no trecho da ponte localizada na rodovia TO - 442, na divisa dos municípios de Araguacema e Caseara, até a foz do Rio Caiapó, afluente do Rio Araguaia. 

O objetivo da proibição é garantir o repovoamento de peixes na região, uma vez que o local é considerado um importante berçário para inúmeras espécies e contribui para a preservação da biodiversidade nos recursos hídricos do Estado do Tocantins, além de fazer parte da Área de Proteção Ambiental da Ilha do Bananal/Cantão, unidade de gestão do Naturatins. A proibição foi divulgada na segunda-feira, 6, no Diário Oficial do Estado nº 5.578,  através da Portaria nº 045.

Entre as medidas do Naturatins nesta ação, está o apoio técnico na estruturação da legislação, de maneira que as colônias de pesca possam resguardar aquela área de manejo, na qual os parceiros desta iniciativa estão trabalhando e já verificam o repovoamento dos peixes. Pois há relatos da ocorrência do aumento no quantitativo de tamanhos e variação das espécies nos cursos d’água naquele trecho.

Fiscalização

Vale ressaltar que o Naturatins juntamente com os órgãos parceiros municipais, estaduais e federais, vai permanecer com as operações integradas de fiscalização em todo Estado. “Vamos aumentar as fiscalizações. Lembramos também que a Cota Zero para o transporte de peixe, por meio da Portaria nº 106/2019, continua até 2022”, reforçou o presidente do Instituto, Sebastião Albuquerque.

Repovoamento

A proibição da pesca naquele trecho do Rio Caiapó tem como finalidade garantir o repovoamento das espécies, bem como a sobrevivência das famílias de pescadores que têm nesta atividade o único meio de adquirir renda e manter suas famílias. Com a proibição da pesca por mais um ano, a proposta da portaria nº 045, do Naturatins é entre outras reduzir a escassez do pescado naquela região do Rio Araguaia.

Outra proposta importante da portaria que prorroga a suspensão da pesca, também considera o potencial socioeconômico da atividade de manejo participativo do pirarucu (Arapaima Gigas) e a necessidade de incentivo desta atividade pelo Governo do Estado, como prática de modelo de desenvolvimento sustentável.

Tempo

Eventos

NOSSOS PARCEIROS

Atendimento

Segunda a Sexta das 8h às 18h

(63) 8501-8498

Siga-nos

Entre em contato com a redação do Tocantins Rural. Email: tocantinsrural.brasil@gmial.com Telefone: (63) 98501- 8498 Whatsapp: (63) 98447-6190
Copyright © 2019 - Tocantins Rural - Todos os direitos reservados.