(63) 98501-8498 redacao@tocantinsrural.com.br
29/07/2019

Região amazônica do Tocantins vai receber a criação de tilápias

Da Redação

A criação de tilápias está chegando à região amazônica do Tocantins, com uma produção que poderá chegar a 80 mil toneladas. Mas quem desejar criar a espécie vai precisar tomar cuidado para que ela não ameace os peixes nativos da região.

A liberação para criar tilápias em tanques rede (estruturas de metal com tela) na região foi autorizada em dezembro do ano passado, por meio de uma resolução do Conselho Estadual do Meio Ambiente. Ela permite a criação dessa espécie em lagos artificiais, como os da usina hidrelétrica Luiz Eduardo Magalhães e na bacia do rio Tocantins.

Até o momento, nenhuma licença foi emitida, mas existem pedidos em tramitação. Eles passam por órgãos como o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e o Ministério da Agricultura e Agência Nacional das Águas (ANA).

A engenheira ambiental do Instituto Natureza do Tocantins (Naturantins) Larissa Uchôa explica que os criadores terão que seguir algumas medidas que diminuam o impacto ambiental da produção.

“Principalmente em termos de manter a qualidade de água do lago, para que não tenha aumento da carga de fósforo (...), em termos de manutenção do tanque rede, tudo que vai realmente manter o meio ambiente de forma sustentável”, diz Larissa.

Uma das exigências do governo do Tocantins para criar tilápias em tanques rede é reversão sexual, ou seja, a maioria dos peixes da criação tem que ser macho. O percentual de peixes machos no tanque deve ser de 98%.

Segundo Larissa, esse cuidado é necessário para evitar a procriação da espécie. Isso porque a tilápia é considerado um peixe exótico, já que tem origem na África, e, se escapar do tanque, pode atingir espécies nativas.

O pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Giovani Moro diz que a criação da tilápia em tanques rede traz riscos, mas que eles são pequenos.

“Qualquer peixe que você produz no sistema de tanque rede no lago, você tem o risco de escape. O grande diferencial (da produção com 98% de machos) é porque, quando escapam, quantas fêmeas vão escapar? E quantas dessas fêmeas que escapam vão realmente conseguir se reproduzir?”, afirma.

Região propícia para a criação

O Tocantins é propício para a criação de tilápia por causa da temperatura alta o ano todo. Essa condição pode gerar um ganho de crescimento maior do que nos estados do Sul do país, que hoje são os maiores produtores da espécie.

Segundo a Associação Brasileira de Piscicultura, a produção de peixes no país deve crescer 10% este ano e passar de 770 mil toneladas, a maior parte de tilápia.

 

Fonte: Globo Rural

Foto: Ernesto de Souza/ED. Globo

Tempo

Eventos

NOSSOS PARCEIROS

Atendimento

Segunda a Sexta das 8h às 18h

(63) 8501-8498

Siga-nos

Entre em contato com a redação do Tocantins Rural. Email: redacao@tocantinsrural.com.br Telefone: (63) 98501- 8498 Whatsapp: (63) 98501- 8498
Copyright © 2019 - Tocantins Rural - Todos os direitos reservados.