(63) 98501-8498 redacao@tocantinsrural.com.br
17/04/2020

Sustentabilidade do agro: Mapa e Embrapa enviam documento à ONU

da redação

A iniciativa atende à necessidade de diálogo acordada na COP25

Medidas adotadas pelo Brasil para fortalecer a sustentabilidade do agro foram o tema de mais um documento submetido à Organização das Nações Unidas (ONU) e por ela aprovado. A iniciativa atende à necessidade de diálogos sobre terra e oceanos e de reforço das ações para mitigação e adaptação às mudanças do clima. Segundo o pesquisador Gustavo Mozzer, este foi um dos temas acordados durante a Conferência da ONU sobre o Clima (COP25), presidida pelo governo do Chile, mas realizada em Madri, Espanha, em dezembro de 2019. 

“Este é um tema que tem mobilizado pesquisadores de praticamente todas as Unidades e, sob a coordenação do Portfólio de Mudanças do Clima, tem consolidado a Embrapa como uma instituição de referência”, afirma Mozzer. “Toda a bagagem científica gerada por décadas de pesquisa na área de agricultura tropical é subsídio para o trabalho na área de mudança do clima, para avaliação de riscos e proposição de soluções tecnológicas adequadas ao cenário atual e prospecção de cenários futuros”.

Entre as principais decisões da COP25, os países deveriam encaminhar até 31 de março contribuições para os diálogos previstos para acontecer em outubro deste ano, durante a próxima reunião dos órgãos subsidiários da Convenção SB52.

Para o pesquisador, a Embrapa tem contribuído ativamente para o avanço da agricultura brasileira, por meio de estudos científicos capazes de propor estratégias de enfrentamento aos desafios impostos pela mudança do clima, com potencial de adoção em outros países. A submissão de documentos no âmbito da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (UNFCCC), na sua opinião, é uma ferramenta eficiente para divulgar o potencial e a sustentabilidade do modelo e da tecnologia agrícola tropical desenvolvida no Brasil.

A contribuição brasileira sobre o tema foi resultado da articulação entre a Embrapa e o Mapa, por meio do Departamento de Produção Sustentável e Irrigação (Depros) da Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação (SDI), da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI), da Assessoria de Assuntos Socioambientais do gabinete da ministra e da Comissão de Desenvolvimento Sustentável da Agricultura (CDSA).

Encaminhado pelo Itamaraty para a UNFCCC, o documento pode ser conferido aqui.

Foto: Ana Lúcia Ferreira

Tempo

Eventos

NOSSOS PARCEIROS

Atendimento

Segunda a Sexta das 8h às 18h

(63) 8501-8498

Siga-nos

Entre em contato com a redação do Tocantins Rural. Email: redacao@tocantinsrural.com.br Telefone: (63) 98501- 8498 Whatsapp: (63) 98501- 8498
Copyright © 2019 - Tocantins Rural - Todos os direitos reservados.